Digite aqui qualquer palavra que faça surgir alguma poesia

O Desastre da Perfeição


De tanto amar acabei não amando
De tanto viver acabei não vivendo
De tanto ser acabei não sendo
O que há de errado com exagero das coisas?
A intensidade existe para ser intensa
Um beijo existe para ser na boca
E o amor para cobrir a ausência...

Não entendo o sentido dessas coisas exageradas
O sabor de sua boca, o beijo de tua alma,
A poesia em teu corpo...
Era para ser perfeita essa vida demasiada,
Acabou-me não sendo

De tanto amar acabei não amado
De tanto viver acabei não vivo
De tanto ser acabei não tendo sido...

Um comentário:

  1. Mto linda, mas um tanto trágica. Eu prefiro continuar amando mto, vivendo mto e sendo mto rs.

    ResponderExcluir