Digite aqui qualquer palavra que faça surgir alguma poesia

Perigo


Essas roupas,
sufocadas em meu armário,
cheias de panos e sonhos,
Um dia ganharam pernas e braços...
E sairão, pelas ruas,
Sem rosto algum,
Apenas sem corpo.
Um dia,
Acidentalmente,
Iremos morar no mundo dos outros,
Sufocados em nossas almas.
E aos poucos,
Vigiaremos esse novo universo sem Deus...

Nenhum comentário:

Postar um comentário