Digite aqui qualquer palavra que faça surgir alguma poesia

Estúpidos Pássaros

Meus versos são como pássaros
- estúpidos pássaros -
que migram na estação errada...
Quando ao de chegar em Porto Alegre,
no inverno,
Sofrem com uma escassez de penas
e de imensidão...
Pois de certo,
Ninguém lamenta um poema frio numa noite de verão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário